A atriz Isis Valverde vem enfrentando um sério problema, relacionado à divulgação de imagens falsas na internet. Segundo informações do advogado Ricardo Brajterman, as imagens são totalmente falsas e foram criadas por meio de recursos digitais com montagens artificiais.

Diante da gravidade do assunto, a atriz decidiu repudiar veementemente essas imagens e tomar medidas legais. Ela registrou uma ocorrência na Delegacia de Crimes de Informática, com o objetivo de notificar e responsabilizar os provedores de internet que compartilharem essas imagens fraudulentas.

É importante ressaltar que a divulgação desse tipo de conteúdo é ilegal, inclusive para aqueles que o reproduzem. A atriz, por sua vez, não irá mais se pronunciar sobre o assunto, uma vez que se trata de uma manipulação virtual e totalmente inventada.

A divulgação de imagens falsas na internet é um problema cada vez mais comum e prejudicial, podendo afetar a reputação e a vida pessoal das pessoas envolvidas. Por isso, é fundamental que as medidas legais sejam tomadas para combater essa prática ilegal e proteger os direitos dos indivíduos afetados.

Aprovação da Lei torna crime o acesso a dispositivos privados

Em uma importante medida para proteger a segurança e privacidade online, a aprovação de uma nova lei tornou crime o acesso não autorizado a dispositivos privados. Antes dessa legislação, essa prática era considerada apenas como atos preparatórios e não configurava crime.

Agora, com a entrada em vigor da nova lei, aqueles que invadirem dispositivos privados estarão sujeitos a penalidades legais. Essa medida é essencial para garantir a proteção dos dados pessoais e evitar possíveis violações de privacidade.

Além disso, essa lei também teve um papel fundamental na evolução de outras legislações relacionadas à proteção de dados e à regulamentação da internet, como a Lei Geral de Proteção de Dados e o Marco Civil da Internet.

Share.