A cantora Madonna está enfrentando um processo movido por dois fãs, Michael Fellows e Jonathan Hadden, devido ao atraso em seus shows. Os compradores de ingressos alegam que o atraso de duas horas nos shows em Nova York, em dezembro, os deixou presos no meio da noite e com poucas opções de transporte público.

O show em Brooklyn estava programado para começar às 20h30, mas Madonna só subiu ao palco às 22h30. Segundo os fãs, esse atraso prejudicou suas responsabilidades diárias, como ir ao trabalho ou cuidar de suas famílias. Além disso, eles afirmam que não teriam comprado os ingressos se soubessem que o show não começaria no horário divulgado.

De acordo com o processo obtido pelo TMZ, os fãs acusam Madonna de violação de contrato, propaganda falsa, representação negligente e práticas comerciais injustas e enganosas. A ação também inclui uma alegação de representação negligente, argumentando que os organizadores do show tinham conhecimento prévio de que a cantora tinha o hábito de subir ao palco tarde.

Madonna Enfrenta Processo por Publicidade Enganosa após Atraso de Duas Horas em Show – Polêmica Pop ao Vivo!

Essa não é a primeira vez que Madonna enfrenta críticas por atrasos em seus shows. Durante a primeira parte de sua turnê pelos EUA no início do ano, ela começou um dos shows às 23h em vez do horário programado para as 20h30. Os organizadores justificaram o atraso como problemas técnicos, afirmando que apenas uma hora foi adicionada ao horário inicialmente planejado.

A turnê Celebration, que está em andamento, apresenta os maiores sucessos da carreira de Madonna. No entanto, os atrasos nos shows têm gerado insatisfação entre os fãs e agora resultaram em um processo legal. Resta aguardar as próximas etapas do caso para saber como será resolvida essa questão.

Continua após a publicidade..

Share.