O Sepultura, considerado o maior nome do heavy metal brasileiro, surpreendeu os fãs ao anunciar sua última turnê mundial, marcando o fim das atividades do grupo após 40 anos de carreira. A notícia foi divulgada pelos integrantes Derrick Green, Paulo Jr., Andreas Kisser e Eloy Casagrande em uma coletiva de imprensa realizada nesta sexta-feira (8), em São Paulo.

Continua após a publicidade..

A série de shows, intitulada “Celebrating Life Through Death”, terá duração de 18 meses e percorrerá países da América Latina e Estados Unidos. No Brasil, foram confirmadas oito apresentações que prometem ser verdadeiros espetáculos para os fãs do Sepultura.

As datas e locais podem ser conferidos abaixo:

  • Belo Horizonte: 1 de março – Arena Hall
  • Juiz de Fora: 2 de março – Estacionamento Cultural
  • Brasília: 9 de março – Arena Lounge
  • Uberlândia: 15 de março – Castelli
  • Porto Alegre: 21 de março – Araújo Vianna
  • Curitiba: 22 de março – Live
  • Florianópolis: 23 de março – Arena Opus
  • São Paulo: 6 de setembro – Espaço Unimed

Sepultura se despede dos palcos: última turnê mundial após incríveis 40 anos de carreira no Heavy MetalSegundo a banda, essa decisão foi tomada conscientemente, como um encerramento planejado. Em comunicado oficial, eles afirmam estar felizes e gratos por tudo que conquistaram ao longo da história do Sepultura, incluindo a criação de álbuns memoráveis, shows marcantes, amizades e a projeção do metal brasileiro no cenário mundial.

A turnê final será registrada e resultará em um disco ao vivo com 40 músicas gravadas em 40 cidades diferentes, uma verdadeira celebração da trajetória do Sepultura.

O grupo, formado pelos irmãos Max e Igor Cavalera em 1984, na cidade de Belo Horizonte, conquistou o reconhecimento internacional principalmente com o álbum “Roots”, lançado em 1996. Nesse trabalho, o Sepultura misturou o som pesado do metal com elementos de música tribal, indígena e africana, consolidando seu estilo único.

Após a saída de Max Cavalera em 1996 e de Igor Cavalera em 2006, a formação atual do Sepultura conta com Derrick Green nos vocais, Paulo Jr. no baixo, Andreas Kisser na guitarra e Eloy Casagrande na bateria.

No ano de 2021, durante a pandemia de Covid-19, o Sepultura lançou o álbum “SepulQuarta”, gravado em lives com participações especiais. Na época, Andreas Kisser afirmou em entrevista ao g1 que o grupo vivia o melhor momento da carreira em todos os aspectos.

Com uma legião de fãs ao redor do mundo e uma influência inegável no cenário do metal, o Sepultura deixa um legado marcante para a música brasileira. A última turnê é uma oportunidade imperdível para os admiradores da banda se despedirem dos ícones do metal nacional.

As vendas dos ingressos para os shows no Brasil começam no dia 11 de dezembro, às 12h, através do site Eventim. Não perca essa chance de presenciar um momento histórico na música brasileira.

Share.